VIAGEM GASTRONÔMICA – GOIÁS

Os primeiros colonizadores do Estado de GOIÁS foram os bandeirantes que vinham de São Paulo e Minas Gerais em busca do ouro que lá existia. Foi através destes homens que surgiram os hábitos culinários do consumo de mandioca, milho e carne-seca. Além das riquezas dos minérios preciosos, paulistas e mineiros encontram nos rios e na vegetação do cerrado muitos peixes, frutas, folhas e raízes que eram a base da alimentação do índio que ali habitava. Esse encontro de culturas culminou na formação de uma cozinha de sabores marcantes, usando com criatividade os ingredientes locais, tornando a culinária goiana diferente das cozinhas do resto do Brasil.

Quando pensamos na gastronomia goiana não podemos deixar de lembrar do PEQUI, fruta amarela, cheia de espinhos por dentro, mas com sabor e perfume marcantes, entra no preparo das receitas mais típicas do Estado: a galinhada com pequi e o arroz com pequi. Goiás é também o estado da GUARIROBA, um tipo de palmito amargo típico da região do cerrado, ingrediente indispensável para o preparo de outro prato típico goiano: o empadão goiano.

Guariroba

Guariroba

Outro ingrediente abundante é o ARROZ. Acompanhamento de quase todos os pratos, na panela é feito com pequi, guariroba, jurubeba (fruta silvestre local) e suã (carne de porco). O arroz-de-puta-rica, muito popular no Estado, é incrementado com carnes defumadas.

Faz parte da gastronomia goiana a pamonha, que diferente do que encontramos nos outros estados, não é doce e sim salgada recheada com queijo fresco e linguiça de porco. São vendidas em feiras, mercados e na beira das estradas pela pamonheiras. No interior do Estado, após a colheita do milho, acontece a PAMONHADA, uma festa que reúne amigos e familiares para a celebração da fartura.

São comuns preparações como o peixe na telha, angu de milho ralado e cozido até engrossar, porco à pururuca e compostas de frutas como sobremesa. Outro prato bem conhecido é a MATULA, a feijoada do cerrado, feita com feijão-branco, linguiça e carnes.

Pamonha goiana

Pamonha goiana

EMPADÃO GOIANO

RENDE 12 PORÇÕES

Ingredientes – massa

  • 4 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 3 ovos
  • ½ xícara (chá) de óleo
  • Sal a gosto
  • 1 colher (chá) de fermento em pó

Ingredientes – recheio

  • ½ xícara (chá) de óleo
  • 2 xícaras (chá) de frango cozido e desfiado
  • 1 xícara (chá) de linguiça frita cortada em rodelas
  • 1 xícara (chá) de lombo de porco cortado em cubos
  • 3 dentes de alho amassados
  • 1 cebola picada
  • 1 colher (sopa) de açafrão-da-terra
  • 2 colheres (sopa) de extrato de tomate
  • 1 xícara (chá) de água
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino moída a gosto
  • 2 colheres (sopa) de amido de milho dissolvido em ½ xícara (chá) de água
  • ½ xícara (chá) de palmito picado (se encontrar guariroba fica melhor ainda!!!)
  • 10 azeitonas verdes sem caroço
  • ½ xícara (chá) de queijo minas cortado em cubos

Modo de preparo – massa

  1. Bata todos os ingredientes até formar uma massa homogênea. Deixe descansar por 30 minutos.
  2. Abra a massa, divida em dois e forre uma fôrma de 25 cm de diâmetro com metade da massa. Reserve.

Modo de preparo – recheio

  1. Em uma panela, aqueça o óleo e frite o frango até ficar dourado. Retire da panela e reserve.
  2. Faça o mesmo com a linguiça e o lombo, fritando-os separadamente. Reserve.
  3. Retire o excesso de óleo da panela e frite o alho e a cebola. Adicione o açafrão e o extrato de tomate. Misture bem e acrescente a água. Acerte o sal e a pimenta. Quando ferver, junte o amido de milho dissolvido e mexa até engrossar o molho. Acrescente o palmito e as azeitonas. Cozinhe por 5 minutos e desligue o fogo.
  4. Coloque o recheio sobre a massa. Adicione os cubos de queijo e cubra com a outra metade da massa.
  5. Leve ao forno, preaquecido a 200°C, por 30 minutos. Sirva em seguida.

empaao-goiano

GALINHADA GOIANA

RENDE 8 PORÇÕES

Ingredientes

  • 2 peitos de frango
  • 2 coxas de frango
  • 2 sobrecoxas de frango
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino moída a gosto
  • 4 dentes de alho amassados
  • 1 xícara (chá) de óleo
  • 1 cebola grande picada
  • 4 xícaras (chá) de arroz
  • 8 xícaras (chá) de água quente
  • 8 pequis com caroço ou 1 xícara (chá) de pequi em conserva fatiado
  • Pimenta-de-cheio a gosto
  • ½ xícara (chá) de cebolinha picada

Modo de preparo

  1. Corte o frango em pedaços pequenos. Tempere com sal, a pimenta-do-reino e metade do alho. Reserve.
  2. Em uma panela grande, aqueça o óleo e refogue a cebola até dourar. Acrescente o restante do alho e o frango e acerte o sal. Quando o frango estiver dourado, adicione o arroz, a água e os pequis. Cozinhe por 20 minutos, ou até que o frango esteja macio.
  3. Retire do fogo e coloque em uma travessa. Adicione a pimenta-de-cheiro e salpique com a cebolinha.

galinhada-goiana

 

MANÉ PELADO

RENDE 15 PORÇÕES

Ingredientes

  • 1 kg de mandioca crua
  • 2 xícaras (chá) de açúcar cristal
  • 3 colheres (sopa) de margarina
  • 2 colheres (sopa) de óleo de milho
  • 1 xícara (chá) de queijo meia cura ralado
  • 1 xícara (chá) de leite de coco
  • 1 xícara (chá) de coco ralado
  • 4 ovos
  • ½ colher (sopa) de fermento químico
  • Açúcar refinado para polvilhar
  • Canela em pó par polvilhar

Modo de preparo

  1. Rale a mandioca ainda crua em um ralo fino ou em um processador. Deixe escorrer e reserve.
  2. Em uma batedeira, bata o açúcar, a margarina, o óleo, o queijo, o leite de coco e o coco ralado por 5 minutos. Acrescente a mandioca e bata por mais alguns minutos para incorporar todos os ingredientes. Reserve.
  3. Bata os ovos até ficarem em ponto de espuma. Com o auxílio de uma colher de pau, misture levemente os ovos batidos à massa. Por fim, acrescente o fermento.
  4. Unte uma fôrma retangular de 25 cm x 40 cm e distribua a massa por ela.
  5. Preaqueça o forno a 180°C por 5 minutos. Depois, asse a massa por aproximadamente 45 minutos ou até ficar firme. Finalize polvilhando com o açúcar e a canela.
  6. Deixe esfriar um pouco e corte em pequenos pedaços.

mane-pelado

Leia também...

Deixe um comentário