Tome chá

Com a chegada do frio a ingestão de líquidos de grande parte das pessoas diminui. Uma boa alternativa para complementar a nossa hidratação são os chás! Além de aquecer, os chás têm propriedades benéficas que podem melhorar a nossa qualidade de vida. Eles podem auxiliar no emagrecimento, resfriados, em casos de insônia e ansiedade, problemas digestivos, inchaço, bem como na prevenção de doenças. Entretanto, os chás também podem causar reações adversas! E é por isso que seu uso deve ser orientado por um profissional que conheça as plantas e seus efeitos no organismo. Vale lembrar que o chá não deve substituir o seu medicamento.

É muito fácil preparar chá, mas existem alguns segredinhos que ajudam a preservar os princípios ativos e extrair o máximo de benefícios:

Folhas, flores e frutos: Aqueça a água até o ponto de fervura (borbulhar). Depois que a água parar de borbulhar coloque ela em um recipiente, de preferência de vidro, junto com as folhas, flores ou frutos. Tampe o recipiente para “abafar”. Aguarde por 5 minutos e está pronto! É só coar e beber. Se sobrar chá, guarde na geladeira ou armazene em uma garrafinha e vá tomando durante o dia (consumir em 24 horas). O ideal é não reaquecê-lo para que ele não perca suas propriedades. A medida para infusão de folhas e flores é de 2 colheres de chá da erva para 200ml de água ou 1 a 2 colheres de sopa para 1 litro de água.

Cascas, raízes ou pedaços de caule: Devem ser fervidos junto com a água com o recipiente tampado de 5 a 20 minutos.

E os chás de saquinho (sache)? Apesar da praticidade, eles não são indicados, pois possuem poucas substancias ativas e podem conter aditivos químicos, açúcar e até mesmo pequenos insetos triturados em sua composição. Se você utilizar, use dois saquinhos de uma vez.

Dicas sobre os Chás

Não compre chás sugeridos por pessoas sem conhecimento com a promessa de tratamento de doenças.

Depois de pronto prefira armazenar o chá em recipiente de vidro ou porcelana. Evite recipientes metálicos.

Evite consumir chá preto, chá mate e chá verde depois das 17:00 horas, eles contém cafeína e podem atrapalhar a qualidade do seu sono e até mesmo causar insônia.

O consumo em excesso de ervas com propriedades calmantes (camomila, melissa, passiflora) pode te deixar sonolento durante o dia.

Prefira consumir chá digestivos, como hortelã e erva-doce, meia hora antes das refeições e morno, isso melhorara a secreção dos sucos digestivos.

Evite adoçar.

♦ Para se obter as propriedades terapêuticas dos chás é recomendado o consumo de 3 a 4 xícaras por dia. Consulte o seu nutricionista para saber qual é a melhor dosagem para você 😉

Conheça algumas combinações de ervas que a nutricionista Patrícia Davidson Haiat sugere, seus benefícios e como preparar:

Melissa + Camomila = Ansiolítico Natural

Infusão de 1 colher de sobremesa de folhas secas de melissa + 1 colher de sopa de camomila para cada xícara de água. Tomar de 2-4 xícaras por dia, preferencialmente após as refeições.

Chá de Hibisco + Gengibre = Termogênico

Estimula a quebra de gordura dos seus estoques, melhora a retenção de líquido e é antioxidante. Utilize 1 colher de sobremesa da erva e 1 pitada de gengibre em pó em infusão em água quente.

Chapéu de couro + Cavalinha = Anti Retenção de Líquido

Infusão de 1 colher de chá de chapéu de couro com 1 colher de chá de cavalinha para cada xícara de água, 3x ao dia.

Passiflora + Capim Limão + Camomila + Melissa = Ajuda no sono

½ xícara de passiflora + ½ xícara de capim limão + ½ xícara de camomila + ½ xícara de melissa. Misturar tudo em um recipiente e usar 1 colher de sobremesa para uma xícara de chá para fazer a infusão. Tomar antes de dormir.

E O FAMOSO CHÁ VERDE?

O consumo regular do chá verde auxilia na prevenção de doenças como o câncer, diabetes, envelhecimento precoce, além de ajudar na perda de peso quando associado a uma alimentação saudável. Prefira ingerí-lo nos lanches, longe de refeições como o almoço e jantar, porque os chás possuem substâncias que atrapalham a absorção de minerais como o ferro. As pessoas com hipertensão devem consultar seu médico antes de consumi-lo, pois a presença da cafeína pode promover aumento na pressão sanguínea.

Se não gostar do seu sabor amargo, você pode combiná-lo com cidreira, hortelã, erva-doce, cravo, canela, anis estrelado, casca de frutas ou maçã seca sem interferir nos efeitos terapêuticos da Camellia sinensis. Exemplo: ferva 1 litro de água com 1 pedaço médio de casca de abacaxi ou 1 punhado de folhas de cidreira. Desligue o fogo e acrescente o chá verde. Abafe por 3 minutos e coe. Você também pode pingar umas gotinhas de limão ou misturá-lo a sucos de frutas.

Leia também...

Deixe um comentário