PÃO – O símbolo da bondade, união e compartilhamento

Bom dia, amores!!! A matéria de hoje é sobre um alimento que agrada a todos. Quem aí não gosta daquele cheirinho de pão quentinho, saindo do forno? E como fica saboroso com uma manteiguinha. Seja no café da manhã, no lanche da tarde ou substituindo o jantar, o PÃO é uma delícia em qualquer hora do dia ou da noite.

O pão é um alimento que acompanha o homem há muitos séculos. Obtido, inicialmente, de uma massa de cereais e água, tinha uma forma de focaccia, cozida em pedra quente, como se faz ainda em muitos países. Os Egípcios foram os primeiros mestres na arte da panificação. Prova está em algumas pinturas de murais encontradas em tumbas do ano de 2500 a.C. que mostram claramente a técnica usada pela população que viva próxima ao rio Nilo. Eles usavam a farinha de trigo para produzir a receita, e no século III já havia pelo menos 72 tipos de pães diferentes produzidos pelo mundo.

Os assírios misturavam cevada e outros grãos para fazer uma focaccia alta, que era colocada em um vaso de cerâmica esquentado na brasa, depois selado com uma tampa e enterrado num buraco cavado no chão, onde a massa cozinhava. Foram os gregos que inventaram o forno a lenha, que usamos até hoje, para assar os pães. .

A focaccia de cevada era o “pão” básico de todo dia, e o pão feito de trigo ficava reservado para os dias de festa. A refeição era composta de pão e outros alimentos picados que podiam acompanhá-lo, com exceção da carne.

Em todas as culturas, o pão era considerado um alimento primordial para nutrir o corpo e a mente e assumia um papel religioso – ele era símbolo de bondade, sobrevivência, união e compartilhamento, representado na passagem da última ceia de Jesus e os apóstolos.

O pão tinha uma importância muito grande na vida dos homens, por ele, muitos homens lutaram em guerras e fizeram revoluções. Mas hoje, na era do bem-estar e das tecnologias, ele acaba sendo substituído por produtos alternativos, bem diferentes do bom e saudável pão de antigamente. Assim como a água e o vinho, o pão consagrou-se como um acompanhamento nas refeições, e deve estar sempre à mesa.

Que tal correr pra cozinhar e preparar aquele pão delicioso para o café da manhã?! Corre lá que ainda dá tempo. Beijosssssss!!!!  🙂  🙂  🙂

pães 2

PÃO DE FIGO SECO

Rende 3 unidades

Ingredientes

  • 750 g de farinha de trigo branca
  • 50 g de farinha de trigo integral
  • 35 g de farinha de centeio
  • 460 ml de água fria
  • 15 g de fermento biológico fresco
  • 200 g de figo seco picado
  • 10 g de sal marinho

Modo de preparo

  1. Em uma batedeira, misture as farinhas. Adicione a água e o fermento e bata por 5 minutos.
  2. Junte o figo e o sal e bata por mais 2 minutos, até desgrudar da tigela.
  3. Transfira para um bowl, cubra com filme plástico e deixe descansar por 40 minutos. Quando dobrar de tamanho, sobre a massa para eliminar bolhas de ar.
  4. Divida a massa em 3 partes, modele como desejar e deixe descansar por mais 15 minutos.
  5. Faça 3 cortes transversais em cada pão e, em uma assadeira polvilhada com farinha de trigo, leve ao forno preaquecido a 190°C, por 15 minutos.
  6. Diminua para 160°C e asse por mais 10 minutos, até ficarem dourados. Sirva.

pão de figo seco

 

PÃO SEM GLÚTEN

Rende 2 unidades

Ingredientes

  • 330 g de farinha de arroz
  • 100 g de farinha de soja
  • 300 g de farinha de tapioca
  • 30 g de açúcar cristal orgânico
  • 20 g de gergelim preto
  • 20 g de semente de linhaça crua
  • 40 ml de leite
  • 30 g de fermento biológico fresco
  • 80 ml de água morna
  • 25 ml de óleo de girassol, canola ou coco
  • 25 ml de azeite de oliva
  • 4 ovos orgânicos
  • 10 g de sal
  • 10 g de gergelim branco

Modo de preparo

  1. Em uma tigela, misture bem as farinhas, 20 g de açúcar e o gergelim preto. Reserve.
  2. Em um recipiente pequeno, hidrate a linhaça no leite. Reserve.
  3. Em outra vasilha, dilua o fermento na água com o açúcar restante e reserve.
  4. À mistura de farinha, adicione o óleo e o azeite. Misture com as mãos.
  5. Junte o fermento diluído, a linhaça hidratada, os ovos e o sal e amasse até desmanchar os grumos.
  6. Divida a massa em duas partes e coloque cada uma delas em uma fôrma de bolo inglês de 25 cm.
  7. Deixe descansar em loca protegido de correntes de ar até que os Paes dobrem de tamanho, o que acontece depois de 25 a 40 minutos.
  8. Polvilhe com o gergelim branco e leve ao forno preaquecido a 160°C, por 25 ou 30 minutos. Eles devem ficar dourados e firmes e levemente úmidos.
  9. Espere esfriar, desenforme e sirva.

pão sem glúten

PÃO DE CHOCOLATE E AVELÃ

Rende 1 unidade

Ingredientes – Massa do pão

  • 1 tablete de fermento fresco
  • ½ xícara (chá) de açúcar mascavo
  • 150 ml de leite
  • 50 g de manteiga sem sal
  • ¼ de xícara (chá) de óleo vegetal
  • 1/3 de xícara (chá) de cream cheese
  • ½ colher (chá) de sal
  • 1 ovo + 1 gema
  • 500 g de farinha de trigo para pão

Ingredientes – Recheio

  • 350 g creme de avelã
  • 150 g de avelã tostada e picada ou castanha de caju
  • 100 g de coco ralado

Fnalização

  • 1 ovo batido com uma pitada de sal
  • Açúcar cristal para polvilhar

Modo de preparo

  1. Na tigela da batedeira, junte o fermento fresco com uma colher de sopa da quantidade total de açúcar que você vai utilizar para a receita. Amasse até virar uma pastinha e reserve por 5 minutos.
  2. Enquanto isso, esquente o leite e adicione a manteiga na mesma panela para que ela derreta.
  3. Adicione a mistura do leite na batedeira junto com o óleo, o cream cheese, o açúcar mascavo, o sal e o ovo com a gema. Misture bem com um batedor de arame (fouet) e então acrescente a farinha para pão.
  4. Com o gancho da batedeira, ligue na velocidade mínima até que a massa se forme. Assim que se formar, aumente a velocidade para máxima e deixe sovar por 10 minutos. Você pode fazer esse processo à mão, mas aí é bom sovar por mais tempo, até que a massa fique bem elástica e fofa.
  5. Passe um pouco de óleo em uma tigela e disponha a massa ali dentro. Cubra com plástico filme e leve à geladeira por 6 a 12 horas.
  6. Depois de descansada, abra a massa em formato retangular numa superfície enfarinhada com aproximadamente 0,5 cm de espessura.
  7. Espalhe o creme de avelã por toda a massa e polvilhe a avelã picada e o coco ralado. Depois, enrole a massa e corte várias rodelinhas com a espessura de quase dois dedos (assista ao vídeo para entender melhor! ;D)
  8. Arrume uma forma de pão e forre-a com papel manteiga. Posicione-a na vertical e coloque uma fatia de pão por vez, intercalando o lado até o fim da forma. Assim, quando você deixá-la reta, terá um pão todo trançado!
  9. Deixe o pão descansar por 40 minutos num local bem quentinho. Em seguida, pincele o topo do pão com um ovo batido junto com uma pitada de sal e polvilhe com açúcar cristal.
  10. Asse em forno pré-aquecido a 180˚C por 40-50 minutos.

pão de chocolate e avelã

 

 

Leia também...

Deixe um comentário