óleos essenciais

Óleos essenciais – os aromas que tratam

Os óleos essenciais são substâncias 100% naturais, extremamente concentradas extraídos a partir de flores, frutos, sementes, folhas, raízes e outras partes das plantas por diferentes métodos de extração. Penetram em nosso organismo ao serem inalados ou através da pele.

Eles podem ser utilizados por pessoas de todas as idades, porém, gestantes, bebês e crianças merecem uma atenção especial, principalmente pelo método de aplicação indicado pelo terapeuta.

Além do aroma que cada óleo possui, eles tem efeitos terapêuticos que trazem muitos benefícios a nossa saúde, tanto em tratamentos emocionais quanto físicos.

E qual a diferença entre óleos essenciais e essências?

Os óleos essenciais, como disse anteriormente, são substâncias naturais retiradas direto de flores, frutos, sementes, folhas, raízes e outras partes das plantas.

Já as essências são substâncias sintéticas, sem efeito terapêutico algum, produzidas em laboratórios apenas para aromatizar o ambiente.

Uma curiosidade: Para se produzir 500 ml de óleo essencial de rosas são necessários 1 tonelada de pétalas. Por isso, o preço do óleo essencial é mais alto que da essência.

E como podemos utilizar o óleo essencial?

A forma mais conhecida é o difusor, e aqui eu deixo uma dica muito importante: Usem difusor ultrassônico e a frio. Os difusores que aquecem os óleos essenciais fazem com que eles percam seu efeito terapêutico, e não é isso que queremos, não é mesmo? Então, no seu difusor, coloque a água, pingue de 5 a 6 gotas do óleo essencial escolhido.

Outro meio de utilização é a diluição em óleo carreador (aqui se utiliza óleo de semente uva, óleo de coco, óleo de amêndoas, óleo de abacate…). Dessa forma pode ser utilizado para uma massagem.

Pode ser utilizado também em colar aromatizador, que seria um colar com pingente que se pode pingar uma gota de óleo essencial.

Outra forma de se beneficiar dos óleos essenciais é pingar 1 gota na palma da mão, esfregar as mãos, fazer uma concha com as 2 mãos em torno do nariz e a boca e fazer uma série de 20 respirações bem devagar e profunda.

Outra dica muito importante:

Óleos essenciais não precisam de prescrição para comprar, porém, quando se tem indicação de um profissional os efeitos tendem a ser muito mais eficazes. Você vai perceber que existem alguns óleos com indicações parecidas e é aí que entra o terapeuta, pois ele saberá exatamente o melhor pra você, e a melhor forma de aplicação!

Um beijo,

Ale Iasbek

Leia também...

Deixe um comentário