NOVEMBRO AZUL E O CÂNCER DE PRÓSTATA

Em novembro é comemorado em todo o mundo o movimento internacional chamado de Novembro Azul, conhecido também como “Movember”, movimento cujo nome surgiu da junção das palavras Moustache (bigode em inglês) e november (novembro em inglês), na Austrália em 2003, aproveitando o as comemorações do Dia Mundial do Combate ao Câncer de Próstata que é comemorado no dia 17 de novembro.

câncer de próstataO câncer de próstata é um dos cânceres mais frequentes no sexo masculino, ficando atrás apenas do câncer de pele. É uma doença que atinge os homens em maior escala quando comparado ao índice em que o câncer de mama atinge as mulheres. Um dos principais fatores, além da falta de informação propriamente dita, ainda é o preconceito com o exame de toque retal, assunto que muitas vezes vira motivo de piadas entre alguns homens.

image3 (1)

Sinais e sintomas

Em seus estágios iniciais, o câncer de próstata não costuma apresentar sintomas. Dificuldade para urinar pode ser sintoma de câncer, mas também de hiperplasia benigna. É recomendável consultar um urologista se o paciente apresentar os seguintes sintomas:

» urinar pouco de cada vez;

» urinar com frequência, especialmente durante a noite, obrigando-o a se levantar várias vezes para ir ao banheiro;

» dificuldade para urinar;

» dor ou sensação de ardor ao urinar;

» presença de sangue na urina ou sêmen;

» ejaculação dolorosa.

image1 (3)Diagnóstico

O câncer de próstata pode ser diagnosticado por meio de exame físico (toque retal) e laboratorial (dosagem do PSA). Caso sejam constatados aumento da glândula ou PSA alterado, deve ser realizada uma biópsia para averiguar a presença de um tumor e se ele é maligno. Se for, o paciente precisa ser submetido a outros exames laboratoriais para se determinar seu tamanho e a presença ou não de metástases.

Recomendações

» Homens sem risco maior de desenvolver câncer de próstata devem começar a fazer os exames preventivos aos 50 anos;

» Descendentes de negros ou homens com parentes de primeiro grau portadores de câncer de próstata antes dos 65 anos apresentam risco mais elevado de desenvolver a doença; portanto, devem começar a fazer os exames aos 45 anos;

» Pessoas com familiares portadores de câncer de próstata diagnosticado antes dos 65 anos apresentam risco muito alto de desenvolver a doença; por isso, devem começar o acompanhamento médico e laboratorial aos 40 anos;

» Homens com níveis de PSA abaixo de 2,5 ng/mL devem repetir o exame a cada 2 anos; já aqueles com PSA acima desse valor devem fazer o exame anualmente;

» Resultados de PSA e toque retal alterados são relativamente comuns, mas podem gerar muita angústia, apesar de não serem suficientes para estabelecer o diagnóstico de câncer de próstata; para confirmá-lo é indispensável dar prosseguimento a uma avaliação médica detalhada e criteriosa;

» Optar por uma alimentação balanceada e praticar exercícios físicos regularmente são recomendações importantes para prevenir a doença. Hábitos de vida saudáveis só agregam á nossa saúde.

O tratamento depende do tamanho e da classificação do tumor, assim como da idade do paciente e pode incluir prostatectomia radical (remoção cirúrgica da próstata), radioterapia, hormonoterapia e uso de medicamentos. Para os pacientes idosos com tumor de evolução lenta o acompanhamento clínico menos invasivo é uma opção que deve ser considerada.

¡ Lembrando que, em estágio inicial o Câncer de Próstata não apresenta sintomas, sendo o acompanhamento regular a forma mais segura de diagnosticar e tratar essa patologia.

Previna-se!!

Grande beijo, Flávia Caldeira.

Leia também...

Deixe um comentário