Boooa tarde, agora diretamente do Canadá, pessoal!! Muiiiitas novidades, muita correria, muito TUDO! Aqui é tudo de bom, não podia ser diferente hehe

Bom, hoje vou falar sobre a minha viagem do Brasil até aqui e do que eu trouxe na mala pois, já percebi que é uma dúvida muito grande, inclusive era minha.

Na minha mala eu só trouxe roupas de inverno no Brasil ou no outono que venta bastante, pois como vou pegar o inverno rigoroso aqui no Canadá, não vale a pena trazer do Brasil, tanto pelo preço quanto pela qualidade. Eu trouxe short, pois sabia que eu chegaria em Toronto ainda no verão, mas eu não trouxe NADA de verão, pois aqui tudo é barato quando o assunto é blusinha, regatinha e esse tipo de coisa. E as roupas que eu trouxe todas foram com a consciência de que elas não voltarão para o Brasil, para poder dar aquela renovada no guarda-roupa sabe? Hehe E eu tb trouxe algumas coisas próprias do Brasil como um presente de agradecimento para a minha HomeStay, mas aguardem que isso será em outro post haha

Eu não trouxe mala de mão, pq odeio andar com mala em aeroportos e esse tipo de coisa, mas a regra é que a soma das dimensões (altura, largura e comprimento) não pode ultrapassar 115 cm, incluindo rodas, alças, bolsos externos e etc; o peso não deve exceder 5 kg, além das restrições para levar líquidos de toda natureza na mala de mão (inclusive gel, pasta, creme, aerossol e similares) em que os frascos tem que ter capacidade de até 100 ml, devem ser colocados em embalagem plástica transparente, vedada, com capacidade máxima de 1 litro, não excedendo as dimensões de 20 x 20 cm. Aqui vai uma foto da mala, lembrando que vc pode trazer duas malas de 32 kg CADA (mas confirme na sua companhia).

P.S: Decidi colocar alguns adesivos na minha mala para ser mais fácil identificá-la, pq sabem como é né..

Mala Paola

Minha viagem do Brasil pra cá foi um tanto quanto estressante, deixe-me explicar o pq: Meu voo era pra sair do Brasil as 23 horas, cheguei no aeroporto por volta das 20 e fui direto pro guichê da TAM, escolhida para eu fazer a viagem porque meu padrasto tinha milhas, então mais fácil. Ok, chegando lá o atendente me diz que não achava a minha passagem de NY (minha conexão) para Toronto. Meu primeiro mini ataque cardíaco. Então ele achou, VIVA! Daí ele diz que aquele meu voo tinha sido cancelado, nada de “VIVA!”. Então ele me encaixou no voo das 20:40, olho o relógio 20:37. Começou maior correria pq eu estava no terminal 3 e esse voo era terminal 2. Enfim, fiz um running dentro do aeroporto e cheguei a tempo. Embarquei, agora sim VIVA! Até que uma família que estava no mesmo voo que o meu das 23 resolveu invadir o meu voo pq eles não iriam no voo das 20:40 pois deu overbooking (lotação). Eles conseguiram entrar no voo, sabe-se lá como e não queriam sair, polícia federal tentou tira-los, mas eles não aceitavam e os policiais não podiam tirá-los à força pois no grupo havia uma criança de 3 anos, pois bem.. Retiro o “VIVA!” de novo, pois foram 2 horas de atraso, até que conseguiram convencer e a família se retirou do avião.

AGORA SIM, 9 horas e 56 de voo, com conexão em NY. Chego em NY, passo pela imigração (PRECISA de visto americano SIM, pois algumas agências informam que não precisa), e embarco no voo para Toronto. Graças a Deus! Haha

Chego em Toronto, meu visto foi de estudante, então eu preciso ir pra uma fila de imigração específica que demorou quase 2 horas para eu ser atendida pois estava MUITO cheio o voo. Sou atendida e a policial conversando comigo suuuuuper simpática vai testar a sua caneta em um papel e que papel ela utiliza? O MEU VISTO!!! Na hora ela para e fala “OH MY GOD? THIS CANCELLED?” ela perguntou para um guardo ao lado dela, minha sorte é que não cancela. Depois desse atraso me preocupei com o transfer que me levaria até minha HomeStay, mas mesmo com o atraso, estava lá! Agora sim VIVA! Estou definitivamente e legalmente em solo canadense!

Espero que tenham gostado e que tenha ajudado de alguma forma..

Bom domingo, pessoal!

Kisses! ;*

Leia também...

Deixe um comentário