LEITES VEGETAIS – Receitas e Propriedades

Os leites vegetais são ótimas opções para pessoas intolerantes a lactose, com alergia ao leite de vaca, vegetarianas ou para quem simplesmente quer dar uma variada. O nome correto é bebida ou extrato vegetal, mas acabamos chamando de “leite” por ser utilizada no lugar dele em receitas, vitaminas, no café…

Existem vários tipos de leites vegetais e eles diferem nutricionalmente, no sabor e na sua durabilidade, tudo depende da matéria prima utilizada, que pode ser coco, aveia, arroz, quinoa, oleaginosas, etc. Infelizmente eles são difíceis de encontrar nos mercados ou lojas de produtos naturais, e aqueles que estão disponíveis, geralmente são muito caros ou acrescidos de açucares, conservantes ou outros aditivos químicos. Então a opção mais saudável e viável acaba sendo fazer em casa mesmo.

Leites-Vegetais

Na realidade não existe muito segredo pra fazer o leite vegetal. Você vai precisar de um liquidificador, um pano fino e limpo para coar que pode ser um pano de prato, uma fralda de algodão ou um voal e um recipiente para armazenar. Dependendo do grão ou semente que você utilizar, será necessário deixar de molho em água por pelo menos 4 horas para amolecer ou em torno de 8 a 16 horas se você quiser deixar o grão germinar (fornece mais nutrientes assim). A quantidade de água utilizada determina a intensidade do sabor do leite, se você quiser ele com sabor mais forte use menos água, caso contrário use mais água e o sabor vai ficar mais suave. A medida geralmente é 1 xícara de grãos ou sementes para 3 copos de água filtrada (600ml), rendendo em média 750 ml de leite que dura entre 2 a 5 dias na geladeira.

Estes são os utensílios mais utilizados 😀

leites-vegetais-utensílios

Essa espécie de “saquinho” de tecido sintético é um voal:

coador-voal-leites-vegetais

Para coar com ele ou com pano de algodão o processo é esse:

coar-leites-vegetais

Agora vou falar um pouco das propriedades de alguns tipos de leites vegetais e modo de preparo deles:

«« LEITE DE QUINOA »»

É fonte de proteínas, vitaminas do complexo B e minerais importantes, principalmente para os que não consomem proteína animal, como ferro, fósforo, magnésio, cálcio e zinco. A quinoa ainda tem fitoestrógenos, que ameniza os sintomas da TPM e da menopausa.

leite-de-quinoa-leites-vegetais

Ingredientes: 1 xícara de quinoa em grãos, 2 xícaras de água, 600ml de água.

Modo de Preparo: Cozinhe a quinoa com as 2 xícaras de água. Quando esfriar, bata a quinoa cozida com 600 ml de água e coe em peneira fina ou voal.

«« LEITE DE COCO »»

É um leite de baixo índice glicêmico porque contém pouco carboidrato em sua composição, entretanto confere saciedade porque é rico em gorduras do bem. Inclusive falei sobre os benefícios do óleo de coco na matéria da semana passada (AQUI).

Ao ser armazenado na geladeira ele irá se separar em duas partes, a de cima irá se solidificar porque é onde tem o óleo do coco, ficando com um aspecto de creme. E a parte que sobra em baixo é liquida. É só agitar ou mexer bem o recipiente que elas se misturam de novo.

leite-de-coco-leites-vegetais

Ingredientes: 1 xícara de polpa de coco, 3 xícaras de água quente filtrada (600 ml).

Modo de Preparo: Retire a polpa do coco. Bata no liquidificador com a água até triturar tudo. Coe com ajuda de um pano fino ou voal. É o leite vegetal mais fácil de coar. Opcional: Você pode misturar essência de baunilha ou bater o leite de coco com tâmaras para deixá-lo mais docinho.

Rende em média: 850 ml de leite.

COMO RETIRAR A POLPA DO COCO: Faça um furo com ajuda de um saca rolha em um dos três buracos embaixo do coco. Retire toda a sua água e coloque no forno a 200 graus até a sua casca rachar (em torno de 20 minutos). Pode ser que você necessite de uma faca para terminar de quebrar a casca e retirar a polpa. Você pode aproveitar a água que tirou do coco para tomar mais tarde, é uma delícia.

E eu achei um vídeo super legal com outra maneira bem fácil pra retirar a polpa do coco, é só clicar AQUI pra ver.

E aqui tem um vídeo muito bom também de como fazer o leite de coco e usar o resíduo que sobra pra fazer farinha de coco. É só clicar AQUI.

«« LEITE DE AMÊNDOAS »»

Ele é rico em gorduras boas que auxiliam a normalização do perfil lipídico (colesterol e triglicerídeos). Contém magnésio e cálcio, importante para a prevenção de osteoporose, além de ser rico em vitaminas do complexo B e arginina, que melhora circulação sanguínea e a pressão arterial. Tem mais sobre as propriedades da amêndoa NESSA MATÉRIA.

Almond milk

Ingredientes: 1 xícara de amêndoas, 3 xícaras de água filtrada (600 ml), Opcional: 1 colher de chá de extrato de baunilha.

Modo de Preparo: Deixar as amêndoas de molho em água por no mínimo 4 horas. Retire as amêndoas que ficaram de molho na água e transfira para o liquidificador. Adicione as 3 xícaras de água filtrada e bata até ficar bem triturada. Coe um pano fino ou voal.

Rende em média: 750 ml de leite.

Neste vídeo mostra como fazer a bebida vegetal de amêndoa e de quebra ainda dá dicas básicas de como preparar QUALQUER LEITE VEGETAL. Para assistir é só clicar AQUI.

Outra receita de LEITE DE AMÊNDOAS que eu achei bem legal:

Ingredientes: 1 xícara de amêndoas cruas deixadas de molho em água filtrada por 8 horas, 2 tâmaras, 1 pitada de sal rosa, 1 colher de chá de extrato de baunilha, 1 litro de água filtrada.

Modo de Preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador ou processador e depois coe com um pano fino de algodão ou com voal.

«« LEITE DE CASTANHA DO PARÁ »»

É rico em selênio, um mineral muito importante para o sistema imune e para a tireoide, além de ser um super antioxidante que melhora a atividade da vitamina E no organismo. Pessoas com herpes devem ter cuidado com o seu consumo, pois a castanha do pará, assim como as outras oleaginosas, possui arginina, que alimenta o vírus e pode fazer com que apareçam feridinhas. Para saber mais sobre os cuidados quanto ao consumo de oleaginosas é só clicar AQUI.

leites-vegetais-leite-de-castanha-do-para

Ingredientes: 1 xícara de castanha do Pará, 3 xícaras de água filtrada (600 ml).

Modo de Preparo: Deixar as castanhas de molho em água por no mínimo 4 horas. Retire as castanhas que ficaram de molho na água e transfira para o liquidificador. Adicione as 3 xícaras de água filtrada e bata até ficar bem triturada. Coe com um pano fino ou voal, caso você ache necessário coe mais uma vez. Opcional: Você pode misturar essência de baunilha, canela ou bater o leite de castanha do Pará com tâmaras para deixá-lo mais gostoso.

Rende em média: 750 ml de leite.

«« LEITE DE CASTANHA DE CAJU »»

Contém nutrientes que melhoram a circulação do sangue e a pressão arterial, é fonte de minerais e antioxidantes que protegem o corpo dos radicais livres. Falei mais sobre os benefício da castanha de caju NESSE POST. 

leites-vegetais-leite-de-castanha-de-caju

Ingredientes: 1 xícara de castanha de caju, 3 xícaras de água filtrada (600 ml).

Modo de Preparo: Deixar as castanhas de molho em água por no mínimo 4 horas. Retire as castanhas que ficaram de molho na água e transfira para o liquidificador. Adicione as 3 xícaras de água filtrada e bata até ficar bem triturada. Coe com um pano fino ou voal, caso você ache necessário coe mais uma vez. Opcional: Você pode misturar essência de baunilha ou bater o leite de castanha de caju com tâmaras para adoçá-lo.

Rende em média: 750 ml de leite.

Clicando AQUI você assiste o vídeo do modo de preparo do leite de castanha de caju e como aproveitar o resíduo que sobra dele 🙂

«« LEITE DE AMENDOIM »»

Essa receita foi desenvolvida pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). A bebida é rica em proteína vegetal e gordura insaturada, que contribui para diminuir o colesterol e prevenir doenças cardiovasculares. Para ler a matéria completa sobre o extrato vegetal de amendoim e só clicar AQUI.

leites-vegetais-leite-de-amendoim

Ingredientes: 1 e ½ xícaras (de chá) de amendoim cru e com casca, 1 litro de água filtrada.

Modo de Preparo: Lave os amendoins, use uma peneira para isso, e coloque-os em uma vasilha; cubra com água e deixe descansando por 12 horas. Escorra e lave rapidamente. Coloque em uma panela, cubra com água e cozinhe em fogo médio até ferver. Quando ferver, desligue e deixe descansando por 5 minutos. Escorra, lave rapidamente e bata em um liquidificador com 1 litro de água filtrada até ficar uniforme. Coe em uma peneira fina e está pronto! Esse leite dura até 5 dias bem fechadinho na geladeira..

Dicas: Você pode adicionar ½ colher de chá de essência de baunilha para aromatizar.

Se ficar alguma dúvida sobre o modo de preparo do Leite de Amendoim você pode assistir o vídeo ensinando o passo a passo AQUI.

«« LEITE DE ARROZ INTEGRAL »»

É a bebida vegetal que tem menos chance de causar alergias. O leite de arroz é barato e fácil de ser digerido, ele é fonte de carboidrato e por isso deve ser consumido com moderação por diabéticos ou pessoas que desejam perder peso. Possui boas quantidades de vitaminas do complexo B, importantes para o metabolismo e função cerebral.

leites-vegetais-leite-de-arroz

Ingredientes: 1 litro de água, 1 xícara de arroz integral cru, Opcional: 1 pitada de sal. Opcional: 1 colher de chá de extrato de baunilha.

Modo de Preparo: Misturar a água, o arroz e o sal em uma panela e levar ao fogo durante 15 minutos. Transfira a mistura ainda quente da panela para o liquidificador, acrescente o extrato de baunilha e bata para quebrar os grãos. Coar o leite em uma peneira, servir-se e armazenar o resto na geladeira.

Tem outra receitinha também, essa com vídeo, pra você preparar o leite de arroz integral:

Ingredientes: 1 xícara de arroz integral cozido, 3 xícaras de água filtrada, Opcional: 2 damascos secos, Opcional: 1 colher de chá de essência de baunilha sem álcool.

Modo de Preparo: Coloque o arroz, a água e os damascos ou a essência de baunilha no liquidificador, bata bem e coe em uma peneira ou voal. Para assistir como fazer é só clicar AQUI.

«« LEITE DE AVEIA »»

Apesar da aveia não conter glúten naturalmente, ela é “contaminada” com essa proteína durante seu processamento, por isso, celíacos não devem consumir a bebida vegetal de aveia, a não ser que ela seja feita do cereal sem glúten. Falei tudo sobre ela NESSE POST. O leite de aveia contém carboidrato, fibras e proteínas, o que o torna uma boa fonte de energia e que também melhora o funcionamento do intestino, ajuda a diminuir o colesterol e dá saciedade.

leites-vegetais-leite-de-aveia

Ingredientes: 2 xícaras de chá de aveia em flocos, 3 xícaras de chá de água, 1 colher de chá de extrato de baunilha.

Modo de preparo: Colocar a aveia em flocos de molho em um recipiente com água durante aproximadamente uma hora. Juntar todos os ingredientes no liquidificador e bater bem. Coar, servir-se e guardar o restante do leite na geladeira. Dura até 3 dias refrigerado.

Vídeo com passo a passo AQUI.

«« LEITE DE NOZES »»

O leite de nozes é rico em antioxidantes e gorduras boas, como ômega 3 e ômega 6. Seu consumo reduz o risco de câncer e de doenças cardiovasculares. Falei mais sobre as oleaginosas NESSE POST.

leite-de-nozes-leites-vegetais

Ingredientes: 2 xícaras de nozes, Água.

Modo de preparo: Coloque as nozes de molho em uma vasilha com água durante 8 a 12 horas. Escorrer a água do molho e lavar as nozes com água corrente. Levar as nozes ao liquidificador junto com uma xícara de água filtrada até obter a consistência desejada. Se quiser deixar mais consistente, adicionar mais água. Coar o leite com um pano de algodão fino ou voal.

Desculpem pela matéria longa mas é que meu objetivo era deixar ela bem completa! Espero ter ajudado 🙂 Qualquer dúvida é só mandar nos comentários, beijos 

leite-vegetal-leites-vegetais

Leia também...

Deixe um comentário