Imagem de divulgação do Festival Brasileiro da Cerveja

O espetacular Festival Brasileiro da Cerveja!

Uma vez por ano, sempre nos meses de março, acontece em Blumenau-SC, um dos maiores e melhores festivais de cerveja do país e da América do Sul.

A cidade catarinense tornou-se recentemente a capital brasileira da cerveja, mérito da cidade que respira a bebida mais consumida do planeta há muitas décadas, praticamente desde que os alemães “invadiram” o estado, trazendo na bagagem todo o amor pela arte, artefatos para produção, receitas e muita sede de prosperar.

Blumenau é um lugar lindo, moderno e bem europeu, que mescla arquitetura antiga com a atual, sofre com o tráfego nos horários de pico e que volta e meia, é atingido pelas fortes chuvas que castigam a população.

Povo guerreiro, sempre souberam lidar com essas adversidades, superando os problemas, evoluindo e fortalecendo a região.

O que mais sempre me chamou a atenção para o FBC foi especialmente o lugar onde ele acontece, dentro da Vila Germânica, mesmo local que recebe a Oktoberfest brasileira, um aglomerado de lojas e prédios no estilo colonial alemão que recebe anualmente centenas de milhares de visitantes de todo o mundo. Gastronomia de altíssimo nível, variedade e produtos de excelente qualidade, andar pela Vila Germânica é um verdadeiro passeio pelas ruas alemãs, um roteiro altamente recomendado por este que vos escreve, especialmente se você gosta de comer e beber bem.

O Festival Brasileiro da Cerveja receberá este ano mais de 100 cervejarias, aproximadamente 130 estandes, 37 mil pessoas e mais de 800 rótulos de cerveja disponíveis ao longo dos quatro dias de evento.

Além disso você encontra praticamente TUDO relacionado a cerveja lá dentro, desde acessórios, máquinas para produção, camisetas, growlers e o que mais você conseguir imaginar e carregar. É até difícil se conter diante de tanta opção, já vi entusiastas carregando malas lá dentro do pavilhão, desconfio que estes indivíduos se emocionaram bastante.

Outro detalhe curioso é a presença de vários especialistas no assunto, é normal você cruzar com eles em meio ao evento, em filas para compra de fichas ou chope, até mesmo conversar e pedir dicas a estas verdadeiras lendas no assunto, o evento é muito acessível, extremamente bem organizado e frequentado.

Meu primeiro FBC foi em 2015, 2019 será a quarta edição que participo, todas as vezes que eu piso na Vila Germânica sinto o mesmo sentimento da primeira vez, uma mistura de alegria com euforia e sonho realizado. Fantástica atmosfera envolve esse lugar, eu literalmente conto os dias para partir rumo à Blumenau.

Este ano iremos nos dois primeiros dias, ou seja, quarta e quinta, dias onde os valores dos ingressos são ridículos de tão acessíveis ($12 reais) e onde não há tanto “aglomero” de pessoas, fica menos trabalhoso o acesso aos expositores, mais fácil de conversar, fazer negócios e novos contatos, indicado para quem gosta de tranquilidade. Sexta e sábado o bicho pega, os ingressos aumentam ($30 na sexta e $36 no sábado) e o pavilhão é dominado por milhares de amantes, curiosos e turistas, as filas e dificuldades normais de um evento lotado ficam mais perceptíveis, embora ainda assim não prejudiquem em nada o nível de organização e consumo. Você precisa ver com os próprios olhos.

Tão importante quanto o evento em si é o concurso que premia as cervejas brasileiras e algumas gringas, extremamente requisitado e concorrido, é avaliado por uma seleta trupe de especialistas que se locomovem de todo o Brasil pra lá no intuito de julgar os rótulos participantes, ano passado a Cervejaria Cathedral de Maringá foi eleita a melhor do Brasil, a outra paranaense Bodebrown, de Curitiba, também já ganhou este prêmio. O estado do Paraná é sempre muito bem representado!

Anote na agenda, dias 13, 14, 15 e 16 de março, em Blumenau, é a semana que sobre a cerveja artesanal. Se eu fosse você não perderia esta deliciosa oportunidade.

Leia também...

Deixe um comentário