CREMES e PUDINS – Fofos, delicados e suaves

Bom dia lindinhas e lindinhos. O papo de hoje é doce, cremoso, fofinho, delicado e suave, vamos falar sobre os CREMES e PUDINS. Essas sobremesas fazem parte da cozinha tradicional, e aparecem nas mais diversas variações. Esses doces estavam presentes em mesas de banquetes dos nobres e camponeses, desde o momento em que o homem descobriu que podia misturar frutas e leites e obter doces saborosos.  Sabe-se que o mel, o primeiro adoçante natural que se conhecia, era misturado com vários ingredientes, com a função de dar consistência ao alimento, e não adoçar.

Com a descoberta do açúcar, ocorreram muitas transformações na cozinha dos poderosos que pagavam altíssimos valores para poderem consumir o “ouro branco”. Combinados com especiarias que chegavam à Europa, o açúcar passou a permitir a criação de inúmeras maravilhas da confeitaria, com base em geleia, gelatina, marzipã e frutas cristalizadas. E assim surgiram os doces cremosos.

Um dos doces mais apreciados na época e conhecido até os dias de hoje é o manjar branco. A hipótese é que esse doce tenha sido criado na França no século XII. Na época não era um doce, era feito com pedacinhos de frango, amêndoas, leite e toucinho.

Em 1440, na França, um doce muito famoso era feito com um creme de pêra e um creme branco em uma tortinha de queijo. O queijo era um ingrediente muito utilizado como base de várias sobremesas. Até o século XVIII, existiam duas sobremesas que reinavam nas confeitarias, uma era um doce de queijo branco e creme chantilly açucarado, outro doce era feito de ricota aromatizada ao vinho e rico em uvas passa.

Crumbles e flans são outros doces mundialmente conhecidos. Delicados, simples e muito criativos que tem em comum a maciez, a leveza e o colorido, e, acima de tudo MUITO sabor.

CRÈME BRÛLÉE

Serve 6 pessoas

Ingredientes

  • 180 g de creme de leite fresco
  • 80 ml de leite integral
  • ½ fava de baunilha
  • 50 g de açúcar refinado
  • 3 gemas

Ingredientes – Para queimar

  • 100 g de açúcar cristal

Modo de preparo

  1. Ferva o leite juntamente com o creme de leite fresco e as raspas da fava de baunilha.
  2. Assim que ferver, desligue o fogo e deixe em infusão por 10 minutos.
  3. Enquanto isso, bata as gemas com o açúcar até esbranquiçar.
  4. Jogue a mistura de leite por cima do creme de gemas e mexa bem.

DICA: Se você estiver com tempo e querendo aproveitar ao máximo todos os sabores dessa  receita, guarde o creme na geladeira por 1 dia coberto com plástico filme em contato. Só então coloque nos ramequins para assar. Você vai ver como os sabores se acentuam ainda mais. 

  1. Coloque em ramequins baixos (essa receita dá para 6 potes) e leve para assar em banho-maria a 150 oC por aproximadamente 40 minutos ou até que esteja consistente. O seu creme estará pronto quanto você o balançar e ele estiver com uma consistência de gelatina, ou seja, firme, mas balançando.
  2. Leve para gelar por completo.
  3. Na hora de servir (e apenas na hora de servir, pois o açúcar deixa de ficar crocante rapidamente quando em contato com a umidade) jogue uma camada fina de açúcar por cima e com um maçarico queime até ver penas bolinhas de açúcar se formando. Para de queimar e espere por 3 minutos, só então queime por completo. Isso garante um açúcar queimado muito mais uniforme e crocante.
  4. Sirva com alguns morangos.

PS: O ideal do crème brûlée é você sentir a camada cremosa e gelada do creme com a mistura da fina camada crocante e quente de açúcar. Por isso ele deve ser servido assim que é queimado.

creme brulee

MOUSSE DE FRAMBOESA

Serve 4 pessoas

Ingredientes

  • 400 g de framboesas frescas
  • 2 claras de ovo
  • 200 ml de creme de leite fresco
  • 120 g de açúcar refinado
  • 1 ramo de hortelã

Modo de preparo

  1. Higieniza e enxugue delicadamente as framboesas. Passe-as na peneira, reservando algumas para a decoração, e junte ao purê 90 g de açúcar refinado. Bata as claras em neve muito firme com uma pitada de sal e junte ao purê de framboesas, misturando de baixo para cima para manter a aeração. Bata o creme de leite em ponto de chantilly e adicione também ao composto.
  2. Divida a mousse em taças e leve à geladeira por pelo menos 2 horas.
  3. Decore com as framboesas reservadas e as folhas de hortelã lavadas e secas.

mousse de framboesa

 

PUDIM DE CHOCOLATE

Serve 10 pessoas

Ingredientes

  • 1 xícara de açúcar cristal
  • 1/4 de xícara de água
  • 3 ovos
  • 1 xícara de chocolate em pó
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 lata de leite
  • 1 lata de creme de leite (ou o fresco)

Modo de preparo

  1. Junte o açúcar e a água em uma panelinha e leve para cozinhar em fogo baixo até que a mistura ganhe uma cor âmbar.
  2. Despeje a calda caramelizada por dentro de uma forma de pudim (a minha tem 20cm de diâmetro por 10cm de altura).
  3. No liquidificador, bata todos os ingredientes e quando a mistura estiver homogênea, despeje-a na forma.

DICA: para que o seu pudim fique lisinho e sem furinhos, peneire a mistura ao colocá-la na forma.

  1. Cubra a forma com papel alumínio e cozinhe o pudim em banho-maria por 2 horas em forno preaquecido a 180°C. Depois desse tempo, retire o papel alumínio e cozinhe por mais 30 minutos.
  2. Retire do forno e deixe esfriar fora da geladeira. Quando estiver frio, cubra a forma com plástico filme e leve à geladeira por no mínimo 6 horas.
  3. Na hora de servir, aqueça o fundo da forma na boca do fogão para que o caramelo derreta.
  4. Decore com frutas vermelhas.

pudim de chocolate

 

 

Leia também...

Deixe um comentário