CONTOURING: a beleza dos contrastes

O contorno facial, utilizado como um grande aliado na maquiagem, conquistou o coração das mulheres no mundo todo. A essência do método consiste em duas regras básicas: tons escuros para disfarçar e atenuar, e tons claros – iluminados – para ressaltar. A partir desse jogo de luz e sombra, é possível ‘’contornar’’ o rosto, favorecendo a todos os formatos, individualmente.

Se é possível modelar o rosto, por que não o cabelo? Afinal, esse é o acessório que a mulher nunca tira do corpo. Ele a acompanha todos os dias, durante todo o dia. Assim, inspirada na técnica da maquiagem, surge a nova tendência: o contorno para os cabelos.

A técnica do contouring surgiu em Londres, no ano passado, e tem, desde então, feito a cabeça das famosas – literalmente. Ela pode ser aplicada a todos os tipos de cabelo: loiros, morenos, ruivos, lisos ou enrolados. É a técnica mais utilizada atualmente nos melhores salões de beleza, pois cria um look personalizado para cada mulher, realçando sua beleza de forma natural e individualizada.

Utilizando luz e sombra em pontos estratégicos, cria-se mechas com aspecto natural e sem marcações.

contouring

Além disso, a técnica traz outro benefício: proporciona maior duração do efeito nos cabelos, uma vez que a cor natural dos fios é preservada na raiz. Ou seja: o tempo para que seja necessário o retoque das mechas é muito maior.

Esta é a rotina em meu salão. Inicialmente, analiso o rosto da cliente: seu tom de pele, a cor de seus olhos. Depois, observo seu estilo, sua profissão, e sua disponibilidade de tempo para cuidar dos cabelos. Após essa análise, a técnica junta-se à arte: uso luz; uso sombra; moldo; modelo. Para cada formato de rosto há um jogo de contrastes a ser criado, no qual delicadeza e força se unem e se misturam.

O resultado final? Um cabelo singular para cada mulher. Mais do que técnica, o hair contour também é arte.

ge-gomes-04-horz

Leia também...

Deixe um comentário