O uso das echarpes, lenços, pashminas, cachecol e todas outras terminologias usadas iniciam-se na Antiga Roma. Muito mais que um adorno, seu objetivo principal era outro. Pois é, acredite… ele era utilizado para limpar o pescoço e a face, e, em geral, era feito exclusivamente de linho. Tempos depois, outros matérias começaram a ser usados na sua confecção, assim como, o uso pelas mulheres. O lado inusitado e colorido dos lenços você encontra na história sendo exibidos pelos franceses.

Numa rápida pesquisa na internet você encontra uma variedade de vídeos demonstrando o passo a passo de como brincar com este acessório, inclusive neste post AQUI. O lenço pode transformar o visual de uma roupa, pode dar cor, volume, forma e feminilidade.

Além de vídeos, existem também muitos livros abordando este tema e hoje, me inspirei num livro dado pelo meu filho no retorno de uma viagem de férias.

“How to Tie a Scarf” (Como amarrar um lenço)

scarf

O que mais me chamou atenção no livro é que ele é divido em capítulos de acordo com o formato do seu lenço e/ou características. Claro… tem um nó para cada tipo de formato e para cada tipo de estação. Por exemplo, usar um lenço canga no inverno não dá, não é mesmo?! Ele é dividido em: plissado, quadrado, retangular, enfeitado, estação do ano, torção e trança.

Muito mais do que escrever, segue algumas sugestões de imagem de tipos de amarração que gostei e se você ainda encara seu guarda roupa de inverno com as cores preto, branco, cinza e bege este é um ótimo caminho para iniciar no mundo das cores e estampas.

amarre-se 01amarre-se 02amarre-se 03

Vale lembrar que este não é uso exclusivamente feminino. Homens já são adeptos deste acessório, o que aliás, deixa o visual um charme.

homens

Cuidados gerais:

Para itens delicados como o lenço, o ideal é sempre lavar à mão. Submerja o lenço em água temperatura ambiente com detergente neutro durante 2 minutos. Enxágue até sair todo o resíduo do detergente. Torça delicadamente para tirar o excesso de água colocando o lenço dentro de uma toalha ou centrifugue na máquina por pouco tempo. Pendurar na sombra, pois, o sol pode alterar a coloração da peça. Vale lembrar que o lenço pode ser fabricado de diversos materiais, seja cashmere, poliéster, algodão, lã, seda ou linho. Então, fique atento as instruções de lavagem contidas no próprio lenço.

cuidados

Agora mãos a obra, amarre-se nesta ideia e confira o link da Francielle que dá mais dica sobre o assunto.

Até a próxima,

Vivi

Leia também...

Deixe um comentário