Você tem medo de receber tratamento com a Acupuntura por causa das agulhas ou conhece alguém que tenha?
Se sim, você precisa ler esta publicação!

Mesmo com a grande difusão que esta técnica tem no ocidente, é muito comum encontrar pessoas com medo das agulhas. No entanto, este sentimento está relacionado à impressão que todos temos do contato com outros tipos de agulhas.

Em função das nossas experiências passadas envolvendo agulhas de injeção ou acidentes com agulhas de costura e outros objetos, o medo de agulhas é considerado normal e natural, e até mesmo uma forma de alerta para tomarmos cuidado no dia-a-dia com objetos pontiagudos, que facilmente podem causar ferimento e dor. Por isso a imagem das agulhas vem associada a uma emoção desagradável. Então, muitas pessoas têm medo de agulhas e por isso acabam não se beneficiando da acupuntura.

Como são agulhas completamente diferentes, torna-se importante estabelecer algumas comparações.

As agulhas de injeção, além de serem ocas, possuem um calibre muito mais grosso que as agulhas de acupuntura, chegando a ser dez vezes mais grossas. Por exemplo, uma agulha de injeção intramuscular possui um diâmetro de 0,70 a 0,80mm. Enquanto que uma agulha de acupuntura, que é muito mais fina e maciça, possui um diâmetro de apenas 0,18 a 0,30 mm. Ou seja, é um pouco mais grossa que um fio de cabelo, que pode ter 0,10 mm de espessura.

Agulha de Acupuntura

Perceba, das agulhas mais usadas na acupuntura, a maior delas possui um diâmetro menor que a metade da menor agulha usada para injeção, ou seja, nem se compara.

Para entender melhor o significado desta diferença, vamos comparar a agulha de acupuntura com outros objetos!

Acupuntura agulha

Um palito de fósforos tem cerca de 4 mm de largura.
As agulhas de injeção variam de 0,40 a 2,4 mm de diâmetro.
As agulhas de costura manual tem um diâmetro médio de 1 mm, podendo variar de 0,50 a 1,30 mm.
Um fio de cabelo pode ter até 0,10 mm de diâmetro, sendo que os tons escuros são os mais grossos e os cabelos louros são mais finos.

As agulhas de acupuntura são realmente muito finas e sua aplicação geralmente é indolor. É claro que algumas regiões do corpo são mais sensíveis e podem produzir algum desconforto quando estimuladas, mas a sensação de alívio, relaxamento e bem estar que o tratamento gera, supera em muito este desconforto. Tanto que, hoje em dia, a acupuntura é muito procurada pelas crianças. É comum os filhos escolherem esta forma natural de tratamento e pedirem aos seus pais para receber acupuntura, pois elas sentem rapidamente os resultados e acabam aderindo ao tratamento.

Como vencer o medo de agulhas na sessão de Acupuntura

Agora que você já viu que as agulhas de acupuntura são finíssimas e que elas não são um motivo real de preocupação, vou dar algumas dicas para vencer o medo, caso ele persista.

Se em nossa história de vida tivemos experiências desagradáveis com agulhas, é relativamente normal sentirmos algum desconforto ao pensar em qualquer coisa que se refira à agulha, mas este tipo de medo pode colocar nossa saúde em risco, nos privando de receber os inúmeros benefícios que a Acupuntura oferece, seja como prevenção ou tratamento.

  • Uma dica é se distrair durante a sessão: pense em outras coisas!

Não transforme esse sentimento em grande coisa. Se ficar se estressando com a agulha antes mesmo da aplicação, você apenas acumulará ansiedade e alimentará sentimentos ruins. Isso faz com que o processo se torne desconfortável e não a terapia em si que, por sinal, posso te garantir: não é nada disso que você está imaginando.

Tire o foco do profissional e tente não olhar o que ele está fazendo. Você pode fechar os olhos ou focar em alguma outra coisa mais distante.

  • Utilize a respiração como foco de sua concentração!

Concentre-se em sua respiração! Lembre-se de respirar lenta e profundamente, além de distrair a atenção, esse procedimento vai ajudar a acalmar e aliviar a ansiedade.

Lembre-se de que receber Acupuntura vai acrescentar muito na sua saúde e bem estar. Sua saúde será tratada por esse procedimento, fugir de cuidados naturais e preventivos como este podem significar mais sofrimento, dependência medicamentosa e problemas mais graves no futuro, comprometendo sua qualidade de vida.

Acupuntura sem agulhas?

Se mesmo com estas informações, você continua sentindo um medo incapacitante, mas tem vontade de se beneficiar com as técnicas incríveis da Medicina Chinesa, a boa notícia é que existem vários recursos não invasivos que podem substituir as agulhas no seu tratamento, como a Ventosaterapia, a Moxabustão, a Acupuntura a Laser, a Eletroacupuntura transcutânea, e a Auriculoterapia.

A Ventosaterapia foi muito comentada nas olimpíadas em função do grande destaque dos recordes do Michael Phelps na natação e as suas fotos mostrando as marcas redondas das ventosas. Existem muitas formas de estimular os pontos de acupuntura, e a ventosa é uma delas.

ventosaterapia

A Moxabustão é uma forma muito antiga de tratamento que utiliza a queima de ervas medicinais, próximo ou sobre os pontos de acupuntura, ao invés das agulhas.

Moxabustão

Uma forma moderna de tratamento por acupuntura é a acupuntura a laser, que faz muito sucesso entre as crianças. Nesta técnica o acupunturista utiliza um aparelho de laser da baixa potência para estimular os pontos e realizar o tratamento.

Acupuntura a Laser

Outra forma de acupuntura não invasiva é a eletroacupuntura transcutânea. Nesta terapia são utilizados pequenos eletrodos adesivos conectados a um aparelho que irá gerar pequenos impulsos elétricos de baixíssima amperagem, produzindo uma sensação agradável de vibração ou pulsação, que irá estimular os pontos de acupuntura.

Guasha é um método terapêutico que utiliza pequenas espátulas feitas geralmente de chifre de búfalo para raspar a pele, com o auxílio de um óleo para facilitar o deslizamento. Este método é muito utilizado no tratamento de dores agudas ou crônicas, para tratar o estresse ou a tensão muscular excessiva, má circulação, congestão linfática e edema, para estimular a imunidade e eliminar fatores patogênicos relacionados com a exposição ao clima frio, ao vento e à umidade. Uma das principais indicações do Guasha é para tratar ou prevenir gripes e resfriados, e também para tratar bronquite, asma, e doenças crônicas.

Guasha

A Auriculoterapia é uma forma de acupuntura que utiliza apenas pontos distribuídos na orelha, mas que é utilizada para tratar todo o corpo. Estes pontos são estimulados com a aplicação de pequenas sementes de mostarda ou vacária, esferas de cristal de quartzo ou de metal que são fixadas com micropore ou esparadrapo e são mantidas no local estimulando os pontos por até sete dias.

auriculoterapia

Agora você conhece um pouco mais sobre este tratamento natural e sabe que pode contar com a acupuntura como mais uma opção para cuidar bem da sua saúde!

Clique no Play para conhecer o vídeo que produzimos para você.
Aproveite para se inscrever em nosso Canal e acompanhar novos vídeos: Clique aqui.

Clique no Play e assista o vídeo.

Aproveite para conhecer nosso Blog Acupuntura e Terapias e acompanhar nosso trabalho.

Espero que tenha gostado, e se gostou, aproveite para deixar um comentário.
Um abraço e até a próxima!

Leia também...

Deixe um comentário