A “ORIGINAL” RECEITA DE SPAGHETTI A CARBONARA

Provavelmente se você é um amante da cozinha, já deve ter comido ou ouvido falar da Carbonara, típico prato de Roma, capital da Itália. E como você a prepara? Bacon, ovo, queijo e creme de leite? Sem medo de ser julgada, preparei a minha Carbonara durante muito tempo dessa forma.

Meu primeiro contato com a versão mais do próxima do original, foi quando uma amiga italiana à preparou de forma muito simples. A receita dela continha penas massa fresca, bacon, gema, parmesão e pimenta do reino,  nada do toque brasileiro do creme de leite.

Origem da Carbonara

A sua origem não é muito clara, algumas pessoas remetem a criação à trabalhadores da produção de carvão vegetal, no alto Lácio, fazendo uma alusão entre o carvão e os pedados de guanciale frito (bochecha de porco curada).

Outros ainda afirmam, que quem desenvolveu foram os revolucionários carbonários, em homenagem a sociedade secreta fundada na Itália, por volta de 1810, a Carbonária.

E ainda tem a versão norte-americana, que remete a criação aos seus soldados que durante a Segunda Guerra ao incrementar um simples macarrão incluíram ovo e bacon e criaram um dos pratos mais famosos do mundo. Independente de quem inventou, este é com certeza um prato apreciado por muitos.

Os segredos deste prato

Mas afinal, como é preparada a receita original? Chefs italianos afirmam que a receita original leva, massa, guanciale, gema e queijo pecorino. Mas você também pode encontrar outras receitas “originais” com pancetta (barriga de porco curada) e queijo parmesão.

Segue a receita de um rápido e delicioso Spaghetti alla Carbonara

Spaghetti alla Carbonara

Provavelmente se você é um amante da cozinha, já deve ter comido ou ouvido falar… Receitas carbonara European Imprimir
Informações nutricionais 200 Calorias 20 grams fat
Classificação 4.5/5
( 2 Votos )

INGREDIENTES:

  • • 400g de spaghetti (capricha na escolha da sua massa, preferencialmente uma grano duro)
  • • 4 gemas
  • • 200g de pancetta ou bacon
  • • 75g de queijo parmesão de boa qualidade ou queijo pecorino
  • • Sal
  • • Pimenta do reino a gosto

MODO DE PREPARO:

  1. Em uma panela grande, ferva 4 litros de água, a medida sempre é um litro de água para cada 100g de massa.
  2. Rale o queijo finamente.
  3. Retire a pele, corte em cubos e frite a pancetta ou bacon (caso você encontre o guanciale, perfeito!) até soltar grande parte da gordura, faça isso em fogo médio para não queima-lo, indico usar uma frigideira grande para finalizar o spaghetti no mesmo local onde foi frito a pancetta, reserve.
  4. Quando a água começar a ferver, coloque 40g de sal (o suficiente para que tenha gosto de água do mar), cozinhe a massa conforme orientação do fabricante, se a embalagem pede 9 minutos, cozinhe durante 7, cronometrados! Nos dois últimos minutos iremos finalizar na frigideira.
  5. Coloque a massa cozida na frigideira com a pancetta e a gordura, acrescente cerca de 80 ml da água do cozimento, misture e deixe esfriar um pouco.
  6. Adicione a gema com o queijo previamente batidos.
  7. Volte a frigideira ao fogo e vá mexendo até que a gema espesse a água do macarrão e a gordura, formando um molho cremoso.
  8. Finalize, com pimenta do reino moída na hora!

NOTA

Cuidado para não deixar muito tempo no fogo, o ponto de coagulação da gema é 68°C sozinha, ao dilui-la em outros ingredientes aumenta para cerca de 84°C, se permanecer no fogo ela vai passar da textura cremosa para ovo mexido, pois terá coagulado. Na dúvida, coloque metade da água sugerida, acrescente as gemas e vá adicionando conforme necessário.

Mangia che te fa bene!

Leia também...

Deixe um comentário