Quer algo mais íntimo do que os “olhos nos olhos”? A intimidade física, o toque, é muito importante, mas apenas ela pode não sustentar o vínculo de uma relação amorosa. É necessário muito mais.

Muitas pessoas limitam a intimidade ao sexo, sendo assim, deixando esta intimidade um tanto superficial, podendo esta relação se tornar monótona e não estimulante.

Além da intimidade física, é super importante a intimidade emocional para estreitar mais o vínculo do casal. Esta intimidade emocional envolve as expressões, seus sentimentos, o que existe em cada um, se manifestando em forma de comportamentos, toques, falas e olhares.

Vou falar hoje do “olhar”, algo que está se tornando escasso nas relações. Os casais estão perdendo o costume de se olhar. É só ir ao shopping center e observar quantos casais estão no local, sentados um de frente para o outro, e com os celulares nas mãos. Podem até estar conversando, mas olhando para o celular. E em casa é a mesma coisa, caso conversarem, um ou os dois olhando para o celular, para a televisão, menos olhando para os olhos um do outro. Com isto, os casais estão perdendo a intimidade, se distanciando cada vez mais.

O olhar significa atenção, pode demonstrar carinho e cumplicidade. É uma linguagem corporal, que juntamente com os gestos e posturas confirmam ou não a validade do que falamos. Por exemplo, dizer “eu amo você”, sem ter um contato visual com a pessoa, olhando para o chão ou para o teto, pode não significar muita coisa para quem está escutando, diferente de falar olhando diretamente nos olhos.

O olhar expressa emoções, e por isto, muitas pessoas tem medo ou a insegurança de que o outro saiba o que está sentindo, desviando o olhar. Isto se torna um problema em um relacionamento afetivo, não apenas afasta a intimidade do casal, como também pode ser interpretado como mentiroso, mesmo não sendo.

Falamos com os nossos olhos, demonstramos interesse, atenção, curiosidade e proteção. Valorizamos o outro quando olhamos para ele, quando o desejamos apenas com o olhar, e esse olhar fala isto.

A intimidade do olhar pode ser praticada em qualquer hora e ambiente que o casal frequenta juntos, podendo ser em casa ou em uma festa.

O casal que se olham profundamente, se sentem mais confiantes e cúmplices um do outro.

Um exemplo do poder do olhar, é a possibilidade dele provocar um desejo sexual no outro, olhando fixamente de uma maneira sedutora, admirando-o com esse olhar, e quando a pessoa que está sendo “fitada” tem essa percepção, é um estímulo a mais para servir de provocações sensuais e eróticas.

Vou dar algumas dicas para melhorar o grau de intimidade a dois:

  • Quando um quiser conversar, se for possível, pare o que está fazendo e dê atenção olhando para ele. Largue o celular.
  • Ouça atentamente quando o outro fala, olhando diretamente para ele. Se for difícil não ficar olhando para a televisão, desligue-a.
  • Quando forem almoçar ou jantar, sente-se de frente um para o outro, assim facilitará essa comunicação visual.
  • Quando falar, fale direcionando o olhar para a pessoa. Não fique falando e olhando para os outros, ou para objetos.
  • Sem falar palavras, troquem olhares quando estão sozinhos e quando estão em ambientes sociais, seja em um bar, em uma roda de amigos, e até mesmo em um almoço de família. Admirem-se com os olhares.
  • Quando forem se beijar, trocar carinhos e carícias, se olhem.
  • Durante o ato sexual, olhem-se!
  • Elogie o outro olhando para ele.
  • Não esqueça de olhar para o outro quando estiver em uma roda de amigos, isso valorizará a relação.
  • Casais namorados, noivos, casados… não deixem de se olharem nos olhos, namorem com olhares um com o outro, fortaleçam de forma saudável a intimidade desfrutando desse órgão sensorial tão importante, os nossos olhos.

Um beijo, Adriana Visioli

Leia também...

Deixe um comentário

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.