A beleza e o sabor dos brotos e flores comestíveis

Se você deixa de lado aqueles brotos ou flores que vem nos pratos, esse post é para você.
Cada vez mais presentes nas finalizações de pratos e na coquetelaria, os brotos e as flores têm ganhado bastante espaço na gastronomia. Mas algumas perguntas são frequentes: Isso é para comer? Tem gosto do que?
Consumidos há séculos na cultura asiática os brotos, também conhecidos como microgreens, são o estágio onde a semente concentra todo seu potencial energético, sendo altamente nutritivo e de fácil cultivo, com a popularização de seu uso algumas variedades ganharam a preferência dos chefs: cerefólio, beterraba, rúcula, trevo e mostarda. Esses são só alguns exemplos de uma gama extensa de brotos disponíveis atualmente.
Com a ampliação do estudo das PANCs (plantas alimentícias não convencionais) e o crescente interesse de pesquisadores e cozinheiros sobre o assunto as flores ganharam espaço nos pratos, passando de decoração a um componente de sabor, as variedades deixaram de ser restritas a couve flor e brócolis e passou a rosas, capuchinhas, amor perfeito, hibisco, violetas e por aí vai. O cuidado no consumo de brotos e flores é o mesmo, devem ser orgânicos e limpos adequadamente.
Aqui alguns exemplos dos brotos e flores mais utilizados e suas características:

Broto de beterraba

Sabor próximo a beterraba, adocicado sem ser terroso, podem ser utilizados em pratos com sabores picantes, com queijo ou com a própria beterraba.

Broto de coentro

Sabor cítrico, mais suave que sua versão mais utilizada, vai bem em sopas, peixe e camarão.

Broto de cerefólio

Tem um leve sabor de anis, acompanha saladas, sopas, omeletes, molhos, aves e frutos do mar.

Capuchinha

Seu sabor é um pouco picante e lembra agrião. Acompanha bem carnes vermelhas.

Amor perfeito

sabor suave e levemente adocicado, essa delicada flor pode ser utilizada em saladas de frutas, bebidas e sopas.

Cravina

Com um aroma bastante característico, a flor pode ser misturada ao açúcar para o preparo de bolos e combina bastante com saladas. Seu sabor lembra o do cravo-da-índia.

Tagetes

Com gosto levemente amargo, suas pétalas podem ser utilizadas em saladas, sopas, molhos, bolos e pães. De origem mexicana, ela substitui muito bem o açafrão.
Nem toda flor é comestível, é preciso ter bastante cuidado pois algumas podem ser tóxicas, além de sempre priorizar produtores locais que tem cultura de orgânicos. Mergulhar nesse universo colorido e delicioso é apaixonante, que tal colocar mais vida nos seus pratos?

Leia também...

Deixe um comentário

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.